Malleus Holoficarum

Perceptíveis à sociedade, ou não, mudanças estão acontecendo. Neste contexto, a sobriedade e independência do Poder Judiciário são fundamentais. Daí a inestimável importância da temática escolhida por Antonio Caleari para a sua tese em que confronta a Revisão Histórica com a sua pretendida repressão criminal. É preciso destacar o risco que assumiu quando se decidiu por um trabalho que enfrenta o poder estabelecido e o “politicamente correto”. É o destemor, porém, aliado à inteligência, que qualifica os homens capazes de promover as grandes mudanças e transformações sociais. – Norberto Toedter (Prefácio – “Malleus Holoficarum“, Chiado Editora, Lisboa, 2012)

Artigos da seção: Liberdade de Expressão

No Dia Internacional da Lembrança do Holocausto, somos todos “negacionistas”


Judaísmo e Preconceito


Há 8 anos atrás: Espanha derruba Lei da Negação do Holocausto


Semi-revisionista: jornalista irlandês ilustra as diferentes gradações da "negação do Holocausto"


Preconceito às avessas


Não é crime negar a existência do holocausto


Nas palavras, a liberdade


Temos o direito de dizer tudo?